Get this widget | Share | Track details
Mulheres de Atenas: Casa dos Açores de Lisboa- Lançamento da revista andarILHAgem

16 fevereiro 2008

Casa dos Açores de Lisboa- Lançamento da revista andarILHAgem

Para melhor verem as fotografias favor clicarem sobre elas, depois para voltar clicar na seta no canto superior esquerdo da página. No fundo estão os vídeos, para verem e ouvirem favor clicarem na seta no meio do quadrado.
Obrigada pela visita
A abrir este post deixo-vos o futuro em jeito de convite e o passado, próximo, em jeito de reportagem:
DIA 22 (de Fevereiro de 2008), pelas 21h e 30m– Música e Poesia : Amor Atlântico, por Teresa Machado e Amigos.A Drª Teresa Machado, poeta e cantadeira de fados e outras cantigas, apresenta textos/poemas de Vitorino Nemésio, Natália Correia, Álamo Oliveira, Eduíno de Jesus, David Mourão-Ferreira, Teresa Machado, entre outros, partilhando "o palco" com alguns amigos declamadores e cantores: César Salvado, Anabela Paixão, Carlos Silva e os músicos João Almeida (guitarra), Liviu Scripcaru (violino), Paulo Silveira (viola da terra).
Depois de aceitarem este convite passem os olhos pelo ambiente da Casa dos Açores de Lisboa, pelas madeiras, pela lindíssima escada, pelas paredes onde fotografias antigas e algumas modernas nos fazem fechar os olhos e suspirar de saudade, a lindíssima bandeira da Autonomia tão desejada. Espero que o que verão mais abaixo vos incentive a dar um saltinho à Rua dos Navegantes















































































































Foi realizado na passada Sexta-Feira, dia 15 de Fevereiro de 2008, na Casa dos Açores de Lisboa, um serão cultural de apresentação da revista andarILHAgem. A revista é edição da Presidência do Governo Regional/Direcção Regional das Comunidades. Nesta apresentação estiveram o seu Director: Alzira Silva, Directora Regional das Comunidades e o seu Coordenador o Ilustre Poeta Álamo Oliveira. Segundo o Editorial do primeiro número da responsabilidade do Presidente do Governo "a revista é uma aproximação de mundos, é um meio de comunicação, é um convite e é o pulsar da vida, onde quer que estejamos. Sejam, pois, bem vindos a esta nova casa e a esta grande família!'


Durante o Serão foi feita a entrega de uma estatueta que premiou o Antropólogo João Leal pelo seu excelente trabalho de pesquisa sobre os Impérios do Divino e a influência cultural Açoriana em Santa Catarina, atribuída pelo Núcleo de Estudos Açorianos da Universidade Federal de Santa Cataria.

Carlos Alberto Moniz cantou-nos canções das nossas raízes, Oh meu bem, Olhos pretos...canções sobre poemas de Vitorino, Álamo. Álamo Oliveira ler magistralmente, como é habitual, o poema de Luísa Ribeiro "Postal de Terra na Terra" transcrito no Nº 1 da revista.Após a parte séria do serão convivemos, conversámos nos salões do primeiro andar desta lindíssima casa em cujas paredes abundam fotografias antigas e recentes de algumas ilhas (chamada de atenção para não ter encontrado nenhuma de Santa Maria. Poderei ter procurado pouco e talvez as haja), pinturas (vi sim senhores uma de Branquinha de Santa Maria...) Deixo-vos algumas fotografias e vídeos



video


video


video


video


video


video


video


video

1 Comments:

Blogger Willoughby said...

Bom trabalho sobre a promoção do Turismo dos Açores.

http://www.youtube.com/watch?v=WeMCfbRlWUI&feature=channel_page

14 junho, 2009 11:09  

Enviar um comentário

<< Home