Get this widget | Share | Track details
Mulheres de Atenas: Santa Maria unida

06 fevereiro 2006

Santa Maria unida



Crónica lida aos microfones da Estação emissora do Club Asas do Atlântico no dia 06 de Fevereiro de 2006
Bom dia!

Na passada Quinta Feira Santa Maria foi palco de um acontecimento que, quanto a mim, é marcante na vida política mariense: alguém conseguiu mobilizar centenas de pessoas em torno de uma questão que, não sendo nova, finalmente, une os marienses independentemente de politizados ou não, independentemente de estarem filiados ou simpatizarem com qualquer dos partidos da nossa “praça”.

A ANA SA, decidiu estender o período de encerramento nocturno do nosso aeroporto por mais duas horas e meia. O facto indignou os marienses que, não tendo, praticamente, reagido aquando do encerramento no restante período nocturno da meia-noite às 6 da madrugada se mobilizou através da difusão de mensagens por telemóvel e recados. Eu tomei conhecimento da realização da manifestação através de mensagem que agradeço ao emissor.A actuação economicista da ANA, no que toca ao Aeroporto de Santa Maria, já não é novidade, já o fez em relação às pistas que encerrou. Não entendo como o encerramento por mais duas horas evite o tal défice astronómico que a administração da empresa diz ser o resultado no ano transacto... Penso que nesse défice estará incluído os custos das obras no terminal que, como sabemos, serão amortizados pelas taxas aeroportuárias e pelas rendas pagas pelo concessionário do Restaurante Concorde, pelas rendas das lojas, dos Rent-a-car e Turismo, mas isso a ANA não diz. A ANA deveria, pelo facto de ser empresa pública, apresentar essas contas bem explicadas e ser fiscalizada pelo Tribunal de Contas pois acho a estória muito mal contada.

Mas o que muito estranho, também, na actuação da ANA é q decisão e implementação destas medidas sem que haja diálogo quer com o Governo Regional, quer com o da República. Ou será que há e agora andam a atirar-nos areia para os olhos ao dizerem que foram apanhados de surpresa?

A ANA não se pode comportar como qualquer empresa privada do vale do Ave que encerra sem dar cavaco. A ANA é uma empresa de capitais públicos, portanto com responsabilidades sociais e obrigação de prestar contas públicas.O problema do Aeroporto não se confina às horas do seu encerramento, vai muito para além disso: os preços dos combustíveis cuja diferença para o praticado aeroporto de P Delgada é elevada. Somos ou não uma ilha da Coesão? Temos ou não de ver na prática esse chavão aplicado? O Governo Regional tem por obrigação, nesse âmbito, de subsidiar o preço da gasolina de abastecimento aeronáutico para que as companhias aéreas prefiram, pelas excelentes condições da pista que a ANA cada vez mais quer reduzir, abastecer em Santa Maria do que em S Miguel. Não vale a pena o Governo criar figuras de retórica que não passem do papel, é preciso torná-las reais aplicando-as. Santa Maria faz parte do grupo das chamadas ilhas de coesão, tudo bem, vamos lá saber o que isso significa, procurar FINALMENTE as razões que a levam a ser isso e tomar medidas efectivas para que nos aproximemos do desenvolvimento sustentado e harmónico das ilhas mais desenvolvidas.Dando cumprimento a uma decisão tomada pelo grupo de manifestantes que, dando seguimento ao decidido no Terminal, compareceu no Hotel 5 às 18 horas para continuar o protesto (não entendo porque apareceu tão pouca gente...) está a circular um abaixo-assinado que fiquei incumbida de redigir e entregar nas lojas e a pessoas que os levem para as freguesias e, posteriormente, recolhê-los. Estarei, hoje às 12:30 e às 17:30 junto aos Supermercados Baptista e Ângelo para dar abaixo-assinados a quem quiser colaborar na recolha de assinaturas. Na próxima Segunda estarei às mesmas horas e local para os recolher. Posteriormente o abaixo assinado será entregue à ANA, SA, Governo Regional, Assembleia Regional, Ministro da República e Câmara Municipal.
Mais assuntos há em Santa Maria que precisam a união de todos os Marienses. Um deles, por exemplo, é a desanexação dos terrenos e infre-estruturas não aeronáuticas situados na áreas do aeroporto e que a ANA, SA administra e que deveria passar para a tutela da Câmara Municipal Um assunto que se arrasta há demasiado tempo. Para a Associação Equestre parece que o processo foi rápido. Quem tiver dados sobre este assunto, por favor, partilhe-os. Quem sabe conseguimos, juntos, o tal empurrãozinho que tanta falta faz.

Abraços marienses
Santa Maria, 06 de Janeiro de 2006
Ana Loura

1 Comments:

Anonymous Hélder Durão said...

Olá Ana!
Sou o primeiríssimo! Que honra!
Gostei muito dos assuntos desenvolvidos!
Era bom que todas as pessoas duma mesma aldeia, vila ou cidade fossem unidas para, pelo menos, tentarem solucionar os problemas existentes. Mas parece que é mais fácil nos acomodarmos!
Beijinhos.

07 fevereiro, 2006 14:47  

Enviar um comentário

<< Home